Clique nos links abaixo para saber mais

30/08/2012

Hoje na Casa Moara tem Dança Materna!


- Dança Materna para Mães e Bebês de Colo e Engatinhantes às 14h30
- Dança Materna para Gestantes às 19h (confirme presença pelo 98586-6094, até quinta-feira, às 16 h) — em Casa Moara


Dança Materna para Gestantes- Foto: Gustavo Ferri - 2012

13/08/2012

Volta às aulas - Agosto de 2012


Após minha licença maternidade, estou voltando às aulas aos poucos durante o mês de agosto. No topo da página (www.dancamaterna.com.br) você encontrará as informações atualizadas semana a semana. Guie-se sempre por elas.

Nesta semana de 13 a 18 de agosto começamos assim:

Mães e Bebês de Colo e Engatinhantes:
(aulas confirmadas)
Dia 14, Terça-feira, às 14:30 no Espaço Bebê da Hebraica (só para sócias)

Dia 16, 5a feira às 14:30 na Casa Moara


(confirme presença pelo 98586-6094, até 5a feira às 16 h)

Dia 16, 5a feira, às 19:00 na Casa Moara

Na semana que vem retomamos na Casa do Brincar e Espaço Nascente, aguardem notícias!

Se vc ainda não era aluna e quer se cadastrar para receber informações sobre a volta às aulas em agosto, mande um e-mail para tatiana@dancamaterna.com.br escrito CADASTRAR na linha do assunto.
Acompanhe-nos também por aqui:
FacebookTwitter e Instagram (@dancamaterna)

Espero vocês!
Abraços,
Tatiana.

07/08/2012

Dança Materna - 4 anos!!!!

Há quatro anos aconteceram as primeiras aulas da Dança Materna para Mães e Bebês e para Gestantes no GAMA em São Paulo. Neste dia ainda não imaginava as proporções que esse trabalho tomaria na minha vida, se confundindo com a minha própria história. Na época eu era mãe da Nina havia seis meses, hoje, tenho também o Gil, com dois meses, que começará a ir para as aulas comigo a partir da semana que vem. 
Com a Dança Materna resignifiquei a dança na minha vida: compartilho a vivência desta arte pelos corpos de mulheres em fases da vida de extrema abertura e sensibilidade, e de seus bebês que se encantam com cores, movimentos e com a mágica do amor de todo dia, embalados por suas mães. Alguns chegam nas barrigas, quase sementinhas, dançam com elas enquanto ganham corpo e atravessam o portal da chegada a esse mundo e juntos voltam a dançar.Com suas mães compartilho experiências em um ou em muitos encontros de risos, choros, voltas ao trabalho, descobertas e muitas maravilhas. Vejo-as crescendo junto com seus bebês. Música e silêncio. Pausa e movimento. Algumas me marcam profundamente e delas nunca vou me esquecer.  
Alguns pais aparecem, tímidos ou bem à vontade,sempre bem-vindos. Avós, avôs e até uma bisa já passaram pra ver suas crianças crescidas tornadas em filhas-mães dançando com seus bebês. 
Estou querendo uma festa pra reencontrar todo mundo, dançar e papear com tempo... vamos ver se vai ser agora ou no aniversário que vem. 

Obrigada a todas vocês, principalmente às mães e às casas que já acolheram a Dança Materna, e às pessoas que me apoiam e torcem por mim. Obrigada Nina, inspiração da Dança Materna, Guga pai da inspiração e Gil - continuidade e nova luz.
E que venha o que há de vir de bom, sempre!