Clique nos links abaixo para saber mais

16/05/2016

Farid Rocha: Um ballet de emoções e desafios

Nosso pequeno editorial sobre a professora de Macaé começa assim: 



Farid Rocha é dona de um sorriso largo e dedicação extrema ao projeto da Dança Materna. Uma mulher super conectada com as energias sutis da vida, relata ter encontrado nos encontros dançantes com mães e bebês uma grande oportunidade: 

"As aulas proporcionaram uma rede de amizades incrível, além dos momentos mágicos que vivemos. Sou certamente uma pessoa muito mais feliz. A minha sensação é exatamente a de ter encontrado minha missão nesse mundo."

As alunas não pensam muito diferente. Enxergam nas aulas de Farid, oportunidades potentes de crescimento interno e emancipação para a vida cotidiana: "A Dança Materna contribui muito na minha longa caminhada da maternidade pois ela me ajuda a sempre confiar em mim como mãe", contou a Marcela, mãe de Francisco de 7 meses. 

Foto: Aline Brant
Favorecer a construção dessa confiança, potência e alegria de viver é uma das abordagens mais visíveis do trabalho versátil de Farid no projeto da Dança Materna. Ela conta que desde o momento da preparação da aula, eleva sua presença ao status de sagrada: "eu curei meus próprios percalços do puerpério, que ficaram à sombra por cerca de dez anos, isso aconteceu apenas porque eu tive a chance de compartilhar vivências de conexão entre mães e bebês". 

O pós parto representa um momento de muita energia fértil para mulheres, mas ao mesmo tempo é um lugar extremamente delicado, onde medos e inseguranças precisam conviver com criatividade e exuberância, em um ballet de emoções e desafios do cotidiano.

Foto: Aline Brant
Thayne, com a filhota Manuela de 4 meses confirma: "Eu imaginava que seria apenas uma atividade com dança para fazer com a minha filha. Mas me enganei. Na primeira aula senti uma onda de energia e emoção que me encantou. E de repente a cada aula, proporcionando uma conexão muito forte entre mães e filhos, mães e mães, vibrando amor, paz, alegria, união, energia de cura. Sinto imensa gratidão pela oportunidade de fazer parte da dança e desse grupo de mulheres que se apoia e se acolhe", relata. 

Além de professora da Dança Materna, Farid Rocha é Acalantadora pelo projeto Isadora Canto, criadora do Bloco das Materneiras, e bailarina, praticante de uma abordagem criativa da dança, que mistura psicomotricidade, improvisação, cultura e regionalismo. 

Duvida da versatilidade poética que essa mulher consegue trazer para o plano material? 
Dê uma olhada nessa galeria de fotos! :)

Farid dança com as mães ...
...transforma aula em Show de Sonhos...
...e o dia dia em  parquinho de diversões ...
...Dança no Studio...
...Dança no jardim...
...Dança no Shopping...
...Dança na Rua...
...Dança também com quem espera neném ...
...até debaixo d'água!